Páginas

18 março 2016

Palavras Soltas - Prazer, me chamo livro! (Lua Melo Costa)

Olá pensadores!

Como vocês podem ver, o nosso país está em um momento difícil e decisivo... o que tem me deixado bastante preocupada.
Mas o fato é que estou aqui para falar daquilo que falta em nossa terra: livros e leitura. E para nós, leitores, é triste perceber o quanto faria diferença se culturalmente fôssemos um povo adepto dessa arte que é ler.
Baseada nessas reflexões, resolvi soltar o coração e o amor pelos livros e fazer um pequeno texto/poeminha para vocês. Espero que gostem!

-Prazer, Me Chamo Livro! - Lua Melo Costa

Prazer, me chamo livro.
E onde onde captarem a minha essência e minha mensagem, nada jamais permanecerá igual.
Eu rompo barreiras e destruo o comodismo mental. Sou ferramenta de revolução e instrumento de evolução social.
Eu posso ser sobre tudo e de todos os tamanhos, preconceitos não me caem bem... pois sou popular, democrático e todos os que me querem, eu quero também! 
Prazer, me chamo livro e sorte a nossa essa apresentação! Pois eu sou a estratégia e você o que cuida da ação. 
Eu sou aquela pequena, grande diferença que tem faltado nessa nação!

♡☆♡
Beijão povo! E comentem aí o que acharam! 

2 comentários:

  1. Olá, Luana.
    Retribuindo sua visita. Adorei o seu blog e também já estou seguindo.
    Dei uma lida nos seus escritos, e amei! Principalmente esse.
    Parabéns!
    Beijos.

    Li
    Literalizando Sonhos

    ResponderExcluir
  2. Tocante!
    Realmente não somos mais os mesmos depois de finalizar nossas leituras. Isso é o que mais me fascina em ler. Nenhum livro é igual ao outro, por mais que abordem o mesmo tema. É uma arte que apaixona.
    Reflexivo para quem não é adepto desta arte.
    Excelente texto... Como sempre, né Lu?!

    Beijos!

    ResponderExcluir

Olá!
Deixe aqui a sua opinião sobre a postagem e sobre o blog!
Peço que não usem de palavras obscenas.
Obrigada por comentar!Bom Pensamento!!!
Voltem Sempre*