24 maio 2013

O desamor da Pátria Amada... Salve, salve! - #Revolta

Olá Pensadores!
A postagem de hoje é algo bem diferente do que costumo postar e se diferencia muito da temática proposta inicialmente aqui no blog.
Amo o mundo literário e musical e nada como uma pitada de cinema na história.O fato é que pulsa em mim um veia completamente inconformada com a situação política vivida tanto na época da Ditadura Militar, quanto nos dias de hoje.

Google
Ao assistir duas reportagens em um mesmo dia, despertei para a situação maquiada em que vivemos nossos dias meus amigos. Um delas foi a questão do boato do fim do Bolsa Família e a outra foi o fim da obra da Arena da Copa, em PE, aqui no município vizinho ao meu.
Só nesse estádio foram gastos mais de 500 milhões de reais. É gente! Mais de meio BILHÃO de reais. E aí? É progresso, é desenvolvimento? Faça-me o favor! O governo propaga aos quatro ventos que os eventos da copa e das olimpíadas irão alavancar o turismo em nosso país, trazendo riqueza para o Brasil e que tanto as obras de construção quanto os próprios eventos que ocorreram aqui.
Haverá crescimento financeiro sim. Mas para onde vai tudo isso? Pro bolso do trabalhador assalariado que enfrenta chuva fora e dentro de casa? Não. O dinheiro chega e beneficia a nata da sociedade. O grupo restrito de pessoas que só, possuem, compram e "empobrecem" ainda mais a camada maior de cidadãos enquanto os seus bolsos fermentam com o dinheiro mal dividido.

As pessoas parabenizam Pernambuco pelo estádio (que foi inaugurado pela presidentA... que felicidade!), parabenizam o Brasil pela construção dos tais... Meu Deus! Ainda estamos na época do pão e circo? Onde basta receber esmola e ter um divertimento oferecido num lugar onde foi gasto muito mais do nas moradias para pessoas carentes, na educação que pena a cada dia que se passa, com escolas caindo aos pedaços e professores mal pagos? A injustiça aqui é oferecida em lugar da dignidade. Esse é o desamor da pátria amada.
Google
Vejam só. Não condeno o divertimento. Mas isso é uma enganação sem tamanho. É como dizer: Divirtam-se enquanto "sobrevivem"! Porquê viver, viver mesmo, com dignidade e justiça é algo que me atrevo a dizer que não pertence aos desde a época em que os índios viviam em paz aqui antes da invasão de estrangeiros. Desde então, esse povo acostumou-se com a usurpação de seus direitos mais básicos.

A sensação de impotência é algo esmagador que incomoda ferozmente as pessoas que querem mudar a realidade triste do país. Mas pior, pior mesmo do que um país que ainda esconde um miolo miserável e que quer ter uma casca bela, rica e saudável, são as pessoas que se alienam e se conformam com migalhas.
O que é o Brasil? O que é o "brasileiro" para o resto do mundo? Um povo feliz que comemora as bolsas-esmola dadas pelo governo? Um povo que joga futebol e gasta com obras Dantescas para a realidade da nação? Um povo que se alegra nos sambodramos e avenidas  mostrando o corpo enquanto nas ruas as drogas e a violência continuam a crescer? 
Google
O conformismo da maioria das pessoas é algo que deixa o país estagnado na era da ignorância velada. Da pseudo liberdade que nos é oferecida. Não dá pra se enganar mais. É disso pra pior e daí pra parte mais funda do poço. Um país cheio de talento, garra e pessoas que podem fazer a diferença, mas na verdade só a minoria demonstram verdadeiro interesse em mudar o mundo em que vivem. Infelizmente, a realidade é essa. Desculpe por não cobrir a verdade com uma capa de arco-íris.

Vejam esse vídeo: Um senhora que deu entrevista "revoltada" com o bolsa-família... VEJA O MOTIVO! E o ex-presidente Lula falando umas verdades sobre o bolsa-família. Vale a pena ver.
#RaivaQueMeDeu

Esse não é o ultimo texto que vou escrever sobre a situação vivida aqui. É revoltante, e o que posso fazer é externar o que sinto e acho por meio do blog que graças a Deus pelo menos eu ainda tenho! Obrigada a todos os que leram e peço que comentem aqui o que acham.

Google

Luana Melo
 Vamos socializar opiniões!
Beijos*

10 comentários:

  1. Nossa que texto fantástico, um tapa na cara de quem precisa acordar e questionar mais a realidade ao seu redor.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Aline!
      Obrigada querida, fico feliz que tenha gostado!
      O absurdo geral em que vivemos é muito grande. Só posso então tentar usar minhas ferramentas para acordar alguém né? Quem sabe... Vai que cola! rsrs.
      Beijos!

      Excluir
  2. Concordo, plenamente. Tive discussões eternas com meu namorado sobre a inutilidade e a falcatrua que é ter uma copa do mundo no país da roubalheira. Também já discuti com muitos amigos meus sobre a liberdade de expressão que temos, que se resume às informações dadas no Jornal Nacional. Eu já pensei muito comigo, o que poderia fazer, se não para ajudar, ao menos para nao entrar no mesmo ciclo de pão e circo... E realmente não sei... Parece que o povo não se importa, e os políticos jamais mudariam a situação atual...

    Eu poderia escrever mais um enorme texto para complementar seus exemplos, mas simplesmente digo que concordo, e fico feliz em saber que ao menos alguem fora o meu círculo social também pensa assim ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lígia!
      Amei o seu comentário! Pois é. O maior problema passa a ser o povo acomodado. Afinal quantos somos contra os "poderosos"?
      Volte sempre querida!
      Beijos*

      Excluir
  3. Gostei realmente do texto, você externou com sentimento seu pesar e angústia pela situação. Creio que todos nós que temos um pouco de amor próprio sentimos o mesmo que você e poder falar mesmo que seja através de um blog já é um passo, pois é sinal de que não estamos de olhos vendados.
    Parabéns pelo texto.
    Beijos
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vivi!
      Obrigada! Fico feliz que tenha gostado*
      Realmente é um consolo poder escrever nesse nosso cantinho né? Pelo menos dá pra externar um pouco do nosso inconformismo.
      Beijão!

      Excluir
  4. Querida Lu!!!

    Aplausos para o seu post, querida... infelizmente, a realidade do nosso país é salpicada de "pó de pirlimpimpim" e maquiada.

    Quando vi o noticiário sobre o estádio do Pernambuco e vi o valor do investimento (se não estiver enganada, 52 milhões), a primeira coisa em que pensei foi: "E 52 milhões pra educação, tem? E pra saúde? E pra segurança?"...

    Aqui estamos nós, prestes a sediar uma Copa do Mundo, com crianças analfabetas, bandidos nas ruas e famílias inteiras morrendo de fome.

    "Política do pão e circo" também foi exatamente o que pensei... infelizmente!!!

    Beijos, querida!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sammy!
      Saudades suas miga!
      Tudo está corretíssimo, exceto o valor da obra que ainda mais revoltante do que esses 52 milhões... São R$ 529,5 milhões! Pois é!
      Obrigada pela visita e comentário viu?
      Beijos*

      Excluir
  5. Luana, que bom que você observa e sente o que acontece ao seu redor. Poucas pessoas tem reações, muitas deixam tudo como está.
    Apenas acredito que a situação é muito mais complicada do que podemos imaginar.
    Caso eu encontre uma família pobre na rua eu devo dar de comer na esperança de que eles tenham força, saúde e possam se sustentar sozinhos. Eu acredito que esse é o objetivo do bolsa-família em um país como o Brasil, um país que tem milhares de seus filhos passando fome e que muitos não tem escolha. Se o brasileiro é acomodado...bem, daí é outra questão que já não tem relação direta com o governo...e sim com a própria população. Um pessoa pode estar me ajudar e eu serei muito grata, porém tenho a consciência de que um dia precisarei largar as mãos dessa pessoa e cominhar sozinha. Mas será que esssas pessoas tem essa educação? Esse pensamento? Minha irmã um dia me contou que quando eu era bem pequena nossa família estava passando por dificuldade e não tínhamos para comer, pedimos ajuda e o governo nos deu de comer e quando nossa situação melhorou um pouquinho, meus pais foram agradecer e cancelar a ajuda. Para que outros também pudessem receber. A ideia é justamente essa. Bjs, querida.

    ResponderExcluir
  6. Oi Marli!
    Realmente. Quando o brasileiro tem essa consciência e age como um verdadeiro cidadão como foi o caso de sua família. Parabéns!
    Só como o próprio Lula falou, o bolsa família é uma moeda de troca, uma ajuda e não o "todo" como muitos pensam.
    Aproveitar-se disso não leva ninguém a evoluir socialmente não é?
    Obrigada pelo comentário!
    Beijos!

    ResponderExcluir

Olá!
Deixe aqui a sua opinião sobre a postagem e sobre o blog!
Peço que não usem de palavras obscenas.
Obrigada por comentar!Bom Pensamento!!!
Voltem Sempre*

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...